Nosso Blog

Bichectomia: entenda o que é e como funciona

O que é?

Esse é um procedimento muito procurado por pessoas que querem melhor o aspecto geral do rosto. A bichectomia consiste nas retiradas das bolsas de bichat que são gorduras localizadas na região das bochechas e que muitas vezes dão um aspecto arredondado ao rosto. Muitas pessoas se sentem incomodadas e procuram profissionais especializados para a retirada dessa gordura e consequentemente afinar o rosto. 

Como funciona?

O procedimento é realizado através de uma microcirurgia de forma intraoral. Uma incisão interna de 2 centímetros é feita em cada lado da face por onde é retirado a gordura que fica acumulada entre dois músculos das bochechas. Após a retirada da gordura, é feito uma sutura no local. A cirurgia dura em torno de 40 minutos a uma hora, podendo ser feita com anestesia local e não deixa cicatrizes externas. 

Quem pode realizar o procedimento?

Antes de qualquer procedimento estético ou cirúrgico é preciso procurar um profissional capacitado. Nesse momento muitas dúvidas surgem e a questão é: será que dentistas são autorizados a realizarem esse tipo de cirurgia? 

A resposta é sim. Dentistas possuem a capacidade e são autorizados a realizarem tal procedimento. O cirurgião-dentista está habituado com essa região bucal e fará a cirurgia dentro de um ambiente adequado e seguro. Além de que, caso complicações aconteçam, o cirurgião-dentista estará preparado para resolver a situação da melhor maneira possível, pois está capacitado para lidar com esses imprevistos.

Cuidados pós-operatórios:

Apesar de ser uma cirurgia simples, não quer dizer que deve ser negligenciada. Como em qualquer procedimento, alguns cuidados devem ser tomados. Cuide muito bem da sua higiene bucal para evitar inflamações. Durante os primeiros dias do pós operatório evite comer alimentos quentes e sólidos. Invista em uma dieta líquida e alimentos gelados irão ajudar a diminuir o incômodo. Evite esforços físicos e mantenha o acompanhamento médico para saber quando deve voltar à rotina da forma mais saudável possível. 

Contraindicações:

Como já vimos, o procedimento possui seus benefícios, mas não é indicado para todos. Pacientes submetidos a radioterapia ou quimioterapia, ou que possui alguma doença infecciosa ativa não devem realizar a bichectomia. Antes de tomar qualquer decisão, consulte seu dentista para que ele possa fazer o melhor diagnóstico. A cirurgia também não deve ser realizada em menores de idade, grávidas e pacientes com dismorfia corporal.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin